Facebook.

Salar de Uyuni (4 dias)

Passeio disponível
Passe de Mobilidade requerido
Atacama - Uyuni - Atacama

Se você anular sua reserva até 24 horas antes do início da atividade, nós devolvemos 100% do adiantamento pagado para realizar a reserva.

Cancelamento sem taxa

Você por reprogramar sua reserva sem custo adicional até 24 horas antes do início da atividade.

Remarcação sem taxa

Passeio compartilhado de 4 dias ao Salar de Uyuni, começando e terminando em San Pedro de Atacama. Inclui transporte, acomodação básica e refeições.


Preços

  • Preço por Salar de Uyuni (4 dias): US$ 249 por pessoa.

Como reservar

  1. Selecione a data de saída no calendário.
  2. Selecione o número de pessoas.
  3. Clique em "Adicionar ao carrinho".
  4. Paga online um adiantamento do valor total do programa.
  • O valor restante deve ser pago em espécie (pesos chilenos) no dia anterior ao tour, antes das 14:00, em San Pedro de Atacama.
  • Você pode remarcar ou cancelar a reserva (com 100% de reembolso) até 20 horas antes do início da excursão.

Inclui

  • Hotel pickup em San Pedro de Atacama.
  • Drop off no centro ou termina de ônibus de San Pedro de Atacama.
  • Transporte compartilhado (micro-ônibus no Chile e 4x4 para 6 pessoas na Bolívia).
  • Motorista local em espanhol.
  • Refeições (café da manhã, almoço e jantar).
  • Acomodação básica:
  • 1° noite no refúgio Huayllajara, em quarto compartilhado de máximo 6 pessoas, com banheiro compartilhado (sem chuveiros).
  • 2° noite no Hostal de Colcha K, em quarto duplo, triplo ou quádruplo, segundo disponibilidade, com banheiro compartilhado (chuveiros com água quente).
  • 3° noite num refúgio em Villamar, em quarto compartilhado duplo, triplo ou quádruplo, de acordo com a disponibilidade) com banheiro compartilhado (chuveiros com água fria. Para ter água quente deve-se pagar um extra de Bs. 10 por pessoa).

Não inclui

  • Drop off no hotel.
  • Transfer ida e volta entre o aeroporto de Calama e San Pedro de Atacama.
  • Imposto de fronteira (Bs. 17 por pessoa).
  • Ingressos aos parques (Bs. 186 por pessoa).
    • Ingresso à Reserva Nacional de Fauna Andina Eduardo Avaroa (Bs. 150 por pessoa).
    • Ingresso à Termas de Polques (Bs. 6 por pessoa).
    • Ingresso à Isla Incahuasi (Bs. 30 por pessoa).
  • Acesso a banheiros no caminho (aprox. Bs. 6 cada entrada).
  • Botas de borracha (requeridas em caso de chuva; aluguel por Bs. 20 por pessoa).
  • Seguro de saúde.
  • Saco de dormir.
  • Água.

O que levar

  • Roupas confortáveis e para frio.
  • Sapato cômodo (idealmente de trilha).
  • Roupa para banho (para Termas de Polques).
  • Óculos de sol.
  • Protetor solar.
  • Artigos de higiene pessoal.
  • Papel higiênico.
  • Lanterna.
  • Água (1 litro por pessoa, para o primeiro dia. O resto dos dias você pode comprar no caminho).
  • Saco de dormir (veja as Perguntas frequentes).
  • Toalha.
  • Passaporte ou documento de viagem. Se você é estrangeiro residente no Chile deve levar ambos para mostrá-los na alfândega.
  • Bs. 350 para despesas não incluídas no passeio (bilhetes de entrada, imposto, banheiros, água e souvenirs, entre outros).

Restrições

  • Idade mínima requerida de 7 anos.
  • Não recomendado para pessoas com hipertensão, insuficiência cardíaca, asma ou similar, pois visitar lugares acima de 4000 metros de altitude representa um risco para sua saúde (o passeio se faz maioritariamente acima dos 4.000 m de altitude, atingindo os 4.850 m em um dos dias do passeio).
  • Os passageiros com mais de 65 anos de idade devem apresentar um atestado médico que os autorize a viajar sobre os 4.000 m de altitude.
  • Não permitido para gestantes.
  • Passageiros de nacionalidade venezuelana residentes no Chile poderão fazer o tour apenas se têm residência definitiva nesse país.
  • Para entrara na Bolívia é obrigatório apresentar 2 cópias impressas do certificado de vacinação:
  • Residentes no Chile: corresponde o Passe de Mobilidade habilitado.
  • Não residentes no Chile: certificado de vacinação com ao menos duas vacinas, com mínimo 15 dias depois da segunda dose.

Roteiro

Início: Dia 1 às 07:00 no seu hotel em San Pedro de Atacama.

Término, Dia 4 às 13:00 no centro ou no terminal de ônibus de San Pedro de Atacama.


Dia 1: O pickup é no seu hotel e vamos sair de micro-ônibus de San Pedro de Atacama até a fronteira com a Bolívia, passando pelos postos de fronteira do Chile e da Bolívia. Uma vez na fronteira, vamos mudar de veículo para um 4x4 para 6 pessoas. Neste primeiro dia visitaremos lugares do altiplano boliviano, como a lagoa Blanca e a lagoa Verde, localizadas ao pé do vulcão Licancabur. Vamos continuar visitando o deserto Salvador Dalí, as termas de Polques, com um tempo para tomar banho, e os gêiseres do Sol de Mañana, fontes intermitentes de água que fluem a uma temperatura de 90 °C. O dia termina com a visita à lagoa Colorada, centro de nidificação de mais de 30.000 flamingos. Vamos passar a noite no refúgio Huayllajara.


Dia 2: Vamos sair pela manhã para o deserto Siloli, lugar onde vamos observar a Árvore de Pedra, uma rocha de origem vulcânica que, como você pode imaginar, tem forma de árvore. Posteriormente, vamos visitar as lagoas Chiarcota, Honda, Hedionda e Cañapa, continuando com o salar de Chiguana e Colcha K. Nesse local passaremos a noite para ter o jantar e descansar.


Dia 3: Sairemos bem cedo do hostel e vamos começar o nosso último dia de passeio com a vista do amanhecer no salar de Uyuni. Depois dessa experiência, vamos ir até a ilha Inacahuasi, uma formação rochosa calcária, localizada no centro do salar onde vamos caminhar e ter outra perspetiva do salar. Continuaremos até o Museu do Sal e o povoado de Colchani, já fora do salar. Deste lugar, vamos nos dirigir a Uyuni, passando pelo cemitério de trens, onde faremos uma parada curta para tirar algumas fotografias. Em Uyuni, vamos dizer adeus ao nosso condutor guia, quem acompanhou para nós durante os três dias anteriores, e depois vamos ter tempo livre para o almoço e conhecer parte da cidade. Depois disso, vamos nos reunir com o condutor quem vai nos levar de volta, com uma parada em Villamar para o jantar e descansar.


Dia 4: Vamos nos levantar muito cedo para continuar nossa viagem de retorno e chegar à fronteira do Chile e da Bolívia. Uma vez nesse lugar, e depois dos procedimentos correspondentes, mudaremos de veículo a um micro-ônibus para regressar a San Pedro de Atacama


*O horário de término desta atividade poderá se modificar devido às condições climáticas e os processos burocráticos na fronteira. Sendo assim, recomendamos que você compre sua passagem para sair de San Pedro de Atacama o mais tarde possível, depois do horário de retorno de Uyuni, ou deixar sua viagem para o dia seguinte depois de terminado o passeio.

*O itinerário fica sujeito à modificação durante setembro, o que pode provocar mudanças dos lugares visitados e/u os lugares de acomodação incluídos, sempre mantendo o nível e caraterísticas destes.


Inverno altiplânico


Durante os meses de janeiro a abril, se produz o fenômeno climático conhecido como inverno altiplânico, período de chuvas no Andes central. Por isto, é possível que o itinerário descrito mude do seguinte modo:

  • Os lugares visitados no Dia 2 são substituídos pelos seguintes: Italia Perdida, lagoa Vinto, cânion Anaconda e vale de Rochas.
  • A segunda noite não é num hostal em San Juan del Rosario, mas sim em um hostel em Uyuni.
  • Não se visita a ilha Incahuasi porque fica no centro do salar, lugar no qual existe a maior concentração de água durante o período de chuva.


Mudanças por motivos de força maior


Este itinerário é referencial. A rota para chegar ao salar, os lugares visitados, a ordem indicada destes e o horário de término do passeio ficam sempre sujeitos à mudanças, dependendo das condições climáticas, do caminho, manifestações e da disponibilidade de acomodação. A confirmação do itinerário se obtém no briefing, que é feito pelo operador um dia antes do início da atividade, o que não quer dizer que não se modifique caso ocorra alguma das situações já mencionadas, mesmo após o início do passeio.


Perguntas frequentes

  • É possível alugar saco de dormir?

    É possível sim, de acordo coma disponibilidade. Você pode alugar diretamente no escritório de San Pedro de Atacama um dia antes do início do passeio, por um valor de CLP$ 10.000. Uma vez finalizado o passeio, você deve devolver o saco de dormir diretamente no escritório.

  • Quais dias do ano tem saída a excursão?

    A excursão tem saídas todos os dias da semana, durante o ano inteiro.

  • É possível fazer a excursão com guia em outra língua?

    Sim, mas só em inglês. O serviço de guia em inglês tem um custo adicional de US$ 150 por grupo que deve ser pago depois de fazer a reserva. Envie um e-mail para consultar a disponibilidade para reservas@denomades.com. Vale lembrar que o serviço é só para os primeiros 3 dias do passeio, já que o último dia o regresso é com motorista que só fala espanhol.

  • Quando é possível ver o efeito espelho no Salar de Uyuni?

    O efeito espelho é producido quando tem água sobre o Salar. Isto acontece só no periodo de chuvas (janeiro e fevereiro) e depois (março).

  • É possível fazer a excursão em serviço privado?

    Sim, para o passeio de 4 dias temos opções disponíveis com hospedagem em hostels e hotéis. Pode revisar ambas opções e reservar diretamente através do site.

  • Qual é o tipo de veículo utilizado neste passeio?

    A excursão é feita num micro-ônibus no Chile e em uma 4x4 (Toyota Land Cruiser) na Bolívia, em um grupo de 6 pessoas.

  • É possível fazer o tour com acomodação em hotéis em vez de refúgios e hostels?

    Se você quiser fazer a excursão com acomodação superior, veja o nosso tour Salar de Uyuni Privado (4 dias).

  • Com quanta antecedência devo reservar o passeio?

    Dado que é muito solicitado, sugerimos reservar com pelo menos uma semana de antecedência.

  • A que se deve as restrições para fazer esse passeio?

    O passeio acontece na região do Altiplano, a uma altitude de mais de 3.000 m. Somente com isso, o corpo sofre um estresse incomum, que pode causar desconforto e risco em pessoas com as condições descritas na seção de restrições. Além disso, o passeio não inclui seguro médico e, no caminho, não há centros de assistência para lidar com esse tipo de situação de maneira apropriada.

  • Existe restrição a algum local para o serviço de pickup?

    O serviço de pickup não é realizado das acomodações localizadas fora da área urbana de San Pedro de Atacama, localizadas em ayllus próximos a San Pedro de Atacama (Quitor, Yaye, Checar, Sequitor, Solor e Coyo) nem em acomodações no povoado de Toconao.

  • É preciso ter visto de turismo para entrar na Bolívia?

    Depende da nacionalidade do passageiro. Os passageiros chilenos e do resto da América do Sul, e da Europa Ocidental não precisam visto de turismo, enquanto os passageiros dos Estados Unidos, América Central, Ásia e África precisam do visto, cujo preço é de US$ 100 ou US$ 160, dependendo do país (você pode verificar o preço por país aqui). O visto pode-se obter diretamente na fronteira, onde juntamente com o pagamento do visto em espécie (bolivianos ou dólares em bom estado). Os passageiros terão que apresentar seu passaporte e duas fotos tamanho passaporte. Caso você seja estrangeiro residente no Chile, além do seu passaporte, você deve levar sua carteira de identidade para comprovar a sua residência perante as autoridades policiais da alfândega.

  • É preciso estar vacinado contra a febre amarela para fazer o tour?

    A vacina não é requerida para fazer o tour ao Salar de Uyuni mas se planeja continuar sua viagem até a selva boliviana deve ser aplicada.

  • Quanto de bagagem posso levar?

    Cada passageiro poderá levar ao máximo uma bolsa ou mala de 18 quilos e um saco de dormir, que irão em cima do jeep.

  • Que tipo de tomada têm as acomodações?

    As acomodações têm tomadas tipo C, compatível com os tipos E e F. De qualquer maneira, nossa recomendação é que você tenha um adaptador para qualquer inconvenientes.

  • É preciso levar saco de dormir?

    Não é um item indispensável, pois as acomodações possuem cobertores. De qualquer forma, considere as informações meteorológicas de acordo com a sua data de viagem e, se achar que vai sentir frio, recomendamos que traga o seu próprio saco de dormir com uma temperatura de conforto de 0 ºC.

  • Como é o clima ao longo da excursão?

    No verão (decembro a março), a temperatura pode ir desde os 4 ºC como mínimo atingindo os 23 ºC. No inverno (junho a setembro), a temperatura é de -20 ºC como mínimo até 16 ºC como máximo.

  • Quanto dinheiro devo levar à excursão?

    Sugerimos levar mínimo Bs. 500 por pessoa para despesas não incluidas na excursão como ingressos aos parques, imposto de fronteira, acesso a banheiros e agua.

  • Onde é que eu posso trocar dinheiro a boliviano?

    Na rua Toconao, em San Pedro de Atacama (interseção com Caracoles), você pode encontrar algumas casas de câmbio onde vai poder obter bolivianos para levar ao passeio.

  • Qual é a probabilidade de sofrer do mal da altitude durante a excursão?

    A maior parte do passeio se faz sobre os 4000 m de altitude, pelo que é muito provável sofrer o mal de altitude, especialmente o primeiro dia de passeio. Para evitar ou reduzir as moléstias, nós recomendamos adaptar-se à altitude um ou dois dias sobre os 2500 m de altitude, beber muita água antes e durante o passeio, ter comidas leves (evitar a carne) os dias anteriores ao passeio, e não beber álcool a noite anterior à saída do passeio.

  • Qual é a alimentacão incluida no tour?

    É bem variada e inclui chá, café, pão, biscoitos e frutas para o café da manhã e carnes, massa, arroz, sopas e verduras para o almoço e jantar. Caso você precise um menu vegetariano, deve marcar sua preferência durante o processo de reserva.

  • O que acontece com a excursão em caso de chuva?

    Se chover, a ordem dos lugares visitados, a possibilidade de ver o amanhecer e os lugares de acomodação ficam sujeitos à modificação porque alguns caminhos poderiam estar fechados. Além da informação anterior, a água é um obstáculo importante no salar de Uyuni e a ilha Incahuasi (localizada no centro do salar) permanece fechada. Por isso a ilha Incahuasi não é visitada e se ingressa ao salar só até uma distância que não seja um perigo para os passageiros.

  • É preciso estar vacinado contra a Covid-19?

    Para ingressar aos parques é obrigatório apresentar certificado de vacinação ou um PCR negativo feito máximo 69 horas antes do início da sua viagem.

  • Com que infraestrutura conta cada refúgio?

    O refúgio Huayllajara tem quartos compartilhados de máximo 6 pessoas, com banheiro compartilhado sem chuveiro (Bs. 20 por chuveiro com água quente, pagamento em espécie). Colcha K tem quartos duplos, triplos ou quádruplos (segundo disponibilidade), com banheiro compartilhado (chuveiro com água quente). Refúgio Villamar tem quarto compartilhado duplo, triplo ou quádruplo (segundo disponibilidade), com banheiro compartilhado, chuveiro com água fria (Bs. 10 por chuveiro com água quente, pagamento em espécie). Refúgio nenhum inclui internet.

Cargando disponibilidad...

Suporte ao cliente


US$ 249.00
Reserve agora